Fútil ao agradável

dezembro 5, 2008

Mesmo as coisas mais idiotas da vida  tem alguma utilidade. Você sempre pode usar um livro do Nuno Cobra pra apoiar aquela sua mesa bamba. Ou fazer sagu com  o vinho vagabundo que ganhou no amigo secreto da firma. Mas existem certos programas de tv que não dá realmente pra achar alguma função. INVASÃO da TVCOM é um desses.

Jabazeiro até o limite, a atração limita-se a acompanhar a descolada Vanessa De Leon de loja em loja dentro do shopping. Assim, a garota pode mostrar as novidades de marcas que você já viu milhares de vezes. Já é chato acompanhar sua esposa/namorada/irmã/mãe nas compras, imagine acompanhar uma completa desconhecida que o vocabulário se resume a 10 palavras, sendo REFINADO e SOFISTICADO as duas mais usadas.

Uma das poucas diversões é acompanhar alguns vendedores sem a mínima intimidade com a câmera apresentar calcinhas, vestidos e outras quinquilharias como se fossem algo muito mudérno. E claro ouvir como resposta da apresentadora: REFINADO! Dá até pra imaginar ela tomando champanhe com o Amaury Jr numa hora dessas.

As compras refinadas de Vanessa

As compras refinadas de Vanessa

INVASÃO: Vários horários, TVCOM
Relevância: 1 Ana Maria Braga de 10 possíveis
Índice de Refinamento: 96%
Compras: muitas

Anúncios

Bônus track

dezembro 3, 2008

Ontem tinha FESTIVAL DAS PÉROLAS no Medalhão Persa!

Prince of Persia

dezembro 2, 2008

Falando em bom gosto, quem nunca sonhou em ter um tapete persa no piso de sua sala de chá. Tudo combinando com os candelabros e os quadros do Romero Britto. Como diriam os fashionistas: uó. E a melhor forma de adquirir estes e outros acepipes é o MEDALHÃO PERSA, o programa de vendas televisivas das mil e uma noites.

A atração segue o astral dos televendas, mas sem o swing do Ciro Botini. Closes nos produtos, locução em off e muitas colocações elogiosas. “Olha como é felpudo”, “Olha que trançado”, “Olha a densidade do material”. É…as linhas telefônicas devem ficar congestionadas. Mas como a venda de tapetes persa vem caindo drasticamente desde o último acústico do Engenheiros do Hawaii, a linha de produtos é bastante diversificada com jóias caras de mau gosto, relógios caros de mau gosto e obras de arte…bem, deu pra entender.

Como obviamente ninguém compra essas porcarias, o objetivo do programa parece óbvio.  A audiência televisiva nas madrugadas é composta basicamente por insônes e masturbadores crônicos e eu nunca vi ninguém se excitar com um tapete (se bem que a locutora falando felpudo pode despertara alguns sentimentos contraditórios). O negócio é relaxar com as imagens geométricas e dormir tranquilamente. Zzzz.

Vem aqui sentir o felpudo, vem, neném

Vem aqui sentir o felpudo, vem, neném

MEDALHÃO PERSA: Segunda a sexta, às 0h, no Canal Rural
Emoção: 1 murilo de 5 benícios possíveis
Ali Babá e: 40 ladrões
Tendência para mudar de canal: Tende ao infinito